HIDROTERAPIA…

Segunda feira, 30 de Abril de 2018. Perdão meus leitores porem não deu para a publicação sair no dia certo. A Internet não funcionou aqui no Lar, nem sábado nem domingo. E eu não consigo me livrar do assunto “salão com piscina de hidroginástica” com que ando atracado nas últimas crônicas do blog.  Tenho recebido muito apoio dentro e fora de nossa Casa, já sabem o: Lar dos Idosos Recanto Tarumã.

Nesta última semana, por exemplo, dois visitantes fizeram-me bastante bem ao conferir suas apreciações e até formularem as intenções de nos ajudar,  é claro, dentro de suas possibilidades e limitações. Logo após o feriadão! Informaram. E eu, só no aguardo!

Quanto internamente, torna-se inconteste a disposição que demonstram nossas meninas em ajudar o idoso, que acha que está tentando ajudar outros como ele próprio, a receber ainda mais atenções, ocupações e terapias, aqui em nosso Lar.

Uma nossa terapeuta inclusive começou me ajudando a melhor intitular o rótulo do “meu sonho”. Realmente, fui verificar na Internet e descobri:

hidroginástica é uma atividade realizada em grupo dentro de uma piscina comum, na qual o educador físico é o responsável pelas aulas. Os objetivos são, melhorar a condição física e cardiorrespiratória e a flexibilidade dos alunos. Não é considerada um tratamento.

Já a hidroterapia é sim definida como um tratamento de saúde individual e o responsável é um fisioterapeuta especializado. É realizada em piscina terapêutica, com água aquecida entre 32 e 34°C, e com estrutura para receber todos pacientes, desde cadeirantes até idosos, com fácil ou nenhuma condição de locomoção.

Bem, mas a menina sabe das coisas, inclusive me fez lembrar das injunções que a instalação da tal piscina de HIDROTERAPIA faria – alguns  setores técnicos e ativos da Casa – enfrentar futuramente. Lembrou dos encargos de manutenção do espaço, das roupas apropriadas para uso dos moradores “banhistas” e outras cousitas mais.

Mais não me fez crer, que tais injunções poderiam servir de obstrução para os primeiros passos de ação da obra. Até por que, melhor do que eu, a profissional sabe que podemos contar com sua própria competência e vontade, bem como as de outras terapeutas; de colegas de trabalho; das gerências, de supervisores e da diretoria, para saná-las e superá-las (as injunções), no futuro.

No ambiente de diretoria da mantenedora, a Socorro aos Necessitados eu conto com a colaboração inequívoca da “menina dos projetos” que – gentilmente através de e-mail, em 18/04 – participou-me: “Amanhã eu mostro para a Patrícia quais sãos os materiais/documentos necessários para projeto de construção/reforma”.

Não me cabe saber, é claro, do que se trata, porém tenho absoluta certeza de que tais exigências não serão tão extremamente formais e radicais ao ponto de vir a desestimular a participação da arquiteta que nos encheu de tanta esperança.

PIC_0444E Patrícia, mencionada na mensagem é  a nova  secretaria da Diretoria. O que me faz acreditar que a coisa irá fluir. Gente, não demora verei que eu, os demais moradores e funcionários,  para orgulho de todos os envolvidos, estaremos com nosso SALÃO COM PISCINA PARA

HIDROTERAPIA.                                                                             

Esse post foi publicado em CRÕNICAS DE UM IDOSO. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s