COM CARINHO …

30 de janeiro de 2018. Agora que o mês está prestes a terminar, estava eu revisando algumas crônicas de um passado, para mim ainda recente e redescobri esta que agora estou “reblogando”. Foi feita em homenagem a dois moradores da casa. Um deles, se vivo fôsse, teria aniversariado no dia 05 deste mes (72 anos, êle faria), se entre nós tivesse.

Saboreiem, porque eu acabo de fazê-lo com imensa saudade e alegria.

Espaço de Jurandyr

Estamos no primeiro domingo de 2014.  Ontem (Sábado) o vagabundo aqui (afinal quem mora em lar de idosos pode ser assim considerado, as vezes) assistiu um filme de 46 anos atrás, que me fez recuar ás minhas preferências de um outro tempo. Leiam a sinopse abaixo.

Ao Mestre com carinho 1967 -, Mark Thackeray (Sidney Poitier) é engenheiro, mas ficou desempregado e resolveu dar aulas em Londres. Ele começa a ensinar alunos majoritariamente brancos em uma escola no bairro operário de East End. Thackeray se depara então com adolescentes indisciplinados e desordeiros, e que estão determinados a destruir suas aulas. Só que o engenheiro, acostumado com hostilidades, não se amedronta e enfrenta o desafio de ensinar uma turma de baderneiros. Ao receber um convite para voltar a atuar como engenheiro, ele tem que decidir se pretende seguir como mestre ou voltar ao antigo cargo.

Sentiram o tamanho do drama?  No…

Ver o post original 674 mais palavras

Esse post foi publicado em CRÕNICAS DE UM IDOSO. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s