SINTO-ME CANORO…

canoroQuinta-feira, 30 de janeiro de 2020. Acho que já estou exagerando nos sentimentos vazados aqui neste blog…  “CANORO” que diabo de palavra é essa? Onde a fui buscar? Na internet é claro! Mas, por que? Tenham paciência com esse coroa!!!

O cara quer cantar a essa hora da madruga… e ainda por cima, sambão… assim não dá! Vamos ouvir com êle.

abacoMais um pouco e vai clarear
Nos encontraremos outra vez
Com certeza nada apagará
Esse brilho de vocês, vocês, vocês } bis

O carinho dedicado a nós
Derramamos pela nossa voz
Cantando a alegria de não estarmos sós

Boa noite, boa noite
Pra quem se encontrou no amor
Boa noite, boa noite
Pra quem não desencantou
Boa noite, boa noite
Pra quem veio só sambar
Boa noite, boa noite
Pra quem diz no pé e na palma da mão
Boa noite, boa noite
Pra quem só sentiu saudade afinal

…Obrigado do fundo do nosso quintal
…Obrigado do fundo do nosso quintal
…Obrigado do fundo do nosso quintal

Mais um pouco e vai clarear…

É, a coisa está feia mesmo, não é que o coroa resolveu ao despertar,  trazer consigo lembranças de um passado distante, e mais ainda, pensando em associar a letra do samba ao presente – aqui e agora – e principalmente, às pessoas que nos assistem aqui no Lar de Idosos Recanto Tarumã?

Melhor mesmo é vocês terem  paciência e concederem certa compreensão para comigo enquanto ouvem só mais um pouquinho desse meu legado repentino, uma vez que…

SINTO-ME CANORO.

 

 

 

Esse post foi publicado em CRÕNICAS DE UM IDOSO. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s